Medidas de segurança do Carnavaliza Itaúna 2020 são tratadas em coletiva de imprensa

12/02/2020 às 14:00:00

Aconteceu na manhã desta quarta-feira, 12 de fevereiro, na Espaço Cultural Adelino Pereira Quadros, uma coletiva de imprensa para tratar da estrutura e a segurança do Carnaval 2020. O Gerente Superior de Cultura, Ilimane Lopes Cardoso, recebeu o comandante da 51ª Companhia de Polícia Militar de Itaúna, Major Alexsandro César de Souza e o comandante do Corpo de Bombeiros de Itaúna, Tenente Carlos Alberto Ramos.

O Major Alexsandro César falou sobre o reforço do efetivo durante o Carnaval. “Inicialmente o policiamento será distribuído ao longo da via e nos principais corredores de acesso para levar segurança as famílias que vem participar desse evento. O comandante deu ainda dicas para os foliões que curtirão a festa. “Dividimos as dicas em três categorias: primeiro em relação a segurança da casa, pedir para que vizinhos fiquem de olho e não deixar objetos que possam ser utilizados para arrombamentos. Segundo, em relação aos veículos, não deixar objetos no interior do veículo que possa gerar interesse pelos infratores e estacionar em locais iluminados. E para os dias de festa, não andar com altas somas de dinheiro, evitar confusão e ao ver alguma atitude suspeita, acionar os policias que estarão em seus postos na avenida”.

“Teremos vistorias todos os dias nos trios elétricos por questão de segurança, bem como nas barracas e food trucks para evitar qualquer tipo de situação que possa colocar em perigo tanto quem está trabalhando como os foliões. Quanto a materiais que não podem ser utilizados, temos a recomendação de não utilizar objetos pirotécnicos, além é claro, de dicas para quem vai curtir a festa, se hidratar bem, alimentar e não aceitar bebidas de desconhecidos”, reforçou o comandante do Corpo de Bombeiros de Itaúna, Tenente Ramos.

O gerente de atividades culturais, Moacir Herculano falou sobre a revista que acontecera em todos os dias de festa. “A revista vai acontecer em todos os acessos. Todo folião passará pelo detector de metais e se preciso, a revista corporal. Não poderá entrar com nada ilícito, armas brancas e qualquer objeto que ofereça risco aos foliões. Ainda de acordo com Moacir, “as garrafas de vidros também são proibidas, o folião, pode sim, entrar com bebida desde que seja em recipiente de plástico".