Capela do Senhor do Bonfim


Construída em suas terras, no antigo morro da Santa Cruz em 1853, pelo fazendeiro tenente José Ribeiro de Azambuja. Era local de peregrinação anual obrigatória da população do arraial, e depois da cidade, no dia da Santa Cruz, 3 de Maio. A Capela pode ser visitada a qualquer hora, pois um vigia permanente tem a chave da mesma. Seu acesso é pela MG-050, entre o trevo principal de Itaúna e o trevo de acesso a Pará de Minas, e fica a aproximadamente 2,5 km do centro da cidade, no morro do Bonfim, de onde se avista toda a cidade.